Páginas

Seguidores

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

parabolas dos talentos

*  liturgia de domingo 13/11/2011

Lição
PARÁBOLA DOS TALENTOS

INTRODUÇÃO: Deus nos deu dons para serem usados no seu Reino.
TEXTO BÍBLICO: Mateus 25:14 a 30
VERSÍCULO:
Porque aquele que tem muito receberá mais e assim terá mais ainda; mas quem não
tem, até o pouco que tem será tirado dele.” Mateus 25:29
Objetivos educativos:
Mostrar para as crianças que cada pessoa tem características próprias e dons que devem ser usados para servir melhor a Deus. Despertar na criança o desejo de descobrir no que pode ser útil para Deus, sempre fazendo o melhor.


Dinâmica: Eu sou único e talentoso!
Material:
·Uma caixa de ferramentas
·As quatro figuras para ilustrar a parábola.
·Uma copia da atividade para cada criança.
·Lápis.
As crianças ficarão sentadas em círculos e deverão pensar num adjetivo que comece com a letra do nome deles. Cada uma delas irá ficar de pé e dirá: “Eu sou Gabriel e sou um gatinho” depois de falar senta e continua o que esta sentado do lado. “Eu sou Carlinho e sou carinhoso” etc. A criança que não souber responder perde. A brincadeira segue até que fique uma criança vencedora. (Líder cuide para que não se diga nada negativo e nem palavrões)
Dizer: Cada um de vocês é único e especial. E Deus tem dado dons diferentes e muito importantes para serem usados no seu Reino.

Hora da Palavra:
Olhem o que eu trouxe hoje, uma caixa de ferramentas. Na minha caixa há muitas ferramentas úteis.
Elas podem ser usadas para construir coisas ou para reparar ou arrumar coisas estragadas e
quebradas. Eu vou contar uma história sobre ferramentas. Eu vou chamar esta história: as três
caixas de ferramentas. Escutem com muita atenção.


Reflexão:
Toda parábola traz um ensinamento importante para a nossa salvação. A parábola dos talentos nos mostra que nosso galardão no céu, dependerá de nossa fidelidade e nosso serviço aqui.
Jesus utilizava histórias simples para nos mostrar que também devemos agir com simplicidade no dia-a-dia. Vamos pensar um pouco?
Na Parábola dos Talentos, o patrão representa o Criador, Deus.
Como já estudamos; Deus é infinitamente bom, misericordioso e justo.
Os nossos talentos. O talento representa nossas aptidões, vocação e oportunidades para servir ao Senhor, que vão se desenvolvendo pela oração e também à medida que nós vamos exercitando nossa fé , enquanto estamos aqui na terra. Todas estas coisas, nos foram dadas por Deus. Ele nos confiou para administrarmos, da maneira mais sabia possivel
Os empregados da parábola representam os diversos tipos de pessoas. O último servo, que enterrou o dinheiro, representa as pessoas que não querem trabalhar para Deus, que nada fazem, Enterram seus talentos por se acharem incapazes. Mas isso é um erro; sabe por que?
Todos nós somos capazes. Devemos acreditar em nós, como Deus acredita sempre em cada um dos seus filhos. Mesmo que alguém diga assim:

- Nossa! você não sabe fazer nada! Nós não devemos acreditar, por que no começo, quando estamos aprendendo ainda é assim mesmo. Depois nossos trabalhos e tarefas vão ficando melhores à medida que vamos exercitando nossas habilidades . Não devemos nunca ter medo, muito menos nos incomodar com as críticas destrutivas.
Descubra o que você gosta de fazer.
Seja dedicado, disciplinado, estude e não desista nunca. Dessa maneira, conseguirá desenvolver os seus talentos e retribuir ao Criador, com juros!
Jesus nos ensina sobre a nossa morada no céu. O que cada um receberá no futuro reino de Deus, vai depender da porção daquele reino, que ele já possui agora. Lembra da história dos tijolinhos, a cada boa ação que faço, ganho um tijolinho no céu
Sua posição e herança no céu, serão proporcionais à sua atual dedicação e consagração às coisas de Deus e do seu reino aqui.
Como multiplicar os nossos talentos
A Palavra nos mostra que precisamos multiplicar os talentos que Deus nos deu.
Você sabe qual é o seu talento, qual é sua vocação? e como multiplicá-los?
Em primeiro lugar vamos usar aquilo que Deus já nos deu, por exemplo o Dom da fé.
Qualquer trabalho que você for fazer para Deus, precisará usar este Dom, através do mesmo, somos capacitados para realizar grandes obras. Vejamos alguns exemplos na Bíblia:
A história de Ana (mãe de Samuel): ela teve fé orou a Deus, fez jejum, fez uma promessa e cumpriu, ela plantou na fé e colheu bom fruto que foi um filho que se tornou um grande sacerdote para Deus.
A história de José: Foi traído por seus irmãos, foi separado de seu pai, foi vendido, levado para uma terra estranha, quanta dificuldade ele deve ter passado, mas, mesmo assim continuou com sua fé, trabalhando para o reino de Deus, e no final o que aconteceu? ????? Deus deu a ele muito mais do que ele podia imaginar, ele cresceu naquele reino estranho, foi respeitado e no final retribuiu o mal que os irmãos fizeram a ele, por bem.
A multiplicação dos pães e dos peixes: Jesus estava pregando para uma grande multidão, o povo precisava comer; Jesus perguntou:O que tendes ai para comer? e um menino apresentou: 5 pães e 2 peixinhos,Jesus multiplicou de tal forma 5 pães e 2 peixinhos que foram suficientes para alimentar mais de cinco mil pessoas e ainda sobraram 12 cestos cheios. Aquele menino valorizou o pequeno recurso que possuia.
Precisamos valorizar aquilo que temos.Deus não precisa que estejamos cheio de muitas coisas, mas que usemos o Dom da fé, que Ele nos deu para multiplicar aquilo que já possuímos.
Descubra qual é a sua vocação, ou seja o que Deus tem colocado em suas mãos para você administrar? use o Dom da fé e procure granjear outros talentos que venham somar em sua vida aqui e na eternidade. Isto fará a multiplicação dos talentos que Deus lhe deu.
Prece final:
Vamos pedir a Deus que multiplique nossos talentos, e nos abençoe, para que possamos trabalhar na sua messe e assim construirmos nossa morada lá no céu.


*visuais:






Atividades:






Atividades (2 por folha)


* Lembrancinhas:





* Apoio didático:




* Livro que indico:
click para saber mais

Nenhum comentário:

SEJAM...

SEJAM...

Esse é meu blog antigo...


(120x60)

Faça essa Oração:

“Senhor Deus, eu venho a Ti, como pecador que sou, em nome de Jesus pedir-te perdão pelos meus pecados. Perdoe Senhor, meus pecados. Apaga minhas transgressões e escreve meu nome no livro da vida que está no céu, para quando deste mundo eu partir tenha um lugar reservado em Tua glória. Senhor Deus, eu creio em meu coração para Tua justiça, mas faço confissão com minha boca para salvação da minha alma. Recebo Jesus em meu coração como meu único e suficiente Salvador. Rejeito também todos os deuses estranhos aos quais eu servi até esse momento e a todo mal que veio sobre minha vida. Declaro agora a cobertura do sangue precioso sobre mim. Entrego minha vida e meus caminhos para que o Senhor Jesus possa conduzir-me e creio que serei vitorioso(a) em nome de Jesus. Amém!”

fim de ano!

Recent Posts

Postagens populares